Aurea e Amor Electro novamente nomeados para os prémios MTV

17.09.2012 - Lusa
diminuiraumentar


Os Amor Electro e a cantora Aurea estão, pelo segundo consecutivo, nomeados para os Prémios Europeus de Música, atribuídos pela MTV, ao lado dos Klepht, dos Azeitonas e da cantora Mónica Ferraz, informou hoje o canal de televisão.

Anualmente, os canais regionais da cadeia MTV, como a MTV Portugal, seleccionam artistas candidatos ao prémio de melhor artista local, neste caso o “Best Portuguese Act”, cujo vencedor é escolhido pelos espectadores.

O mais votado séra depois candidato ao prémio Worldwide Act, em competição com artistas escolhidos de outros 22 países onde a MTV tem canais.

Os Prémios Europeus de Música são atribuídos anualmente pela MTV às bandas e aos artistas que se destacaram ao longo do último ano. A 19ª edição está marcada para 11 de Novembro, em Frankfurt, na Alemanha.

A cantora Aurea venceu no ano passado o prémio “Best Portuguese Act” e volta a estar nomeada este ano, quando se prepara para editar o segundo álbum.

Os Amor Electro também bisam nas nomeações, aos quais se juntam o grupo rock Klepht, a cantora Mónica Ferraz, ex-vocalista dos Mesa que editou a solo em 2010 o álbum “Start Stop”, e Os Azeitonas, a banda do Porto que está a celebrar 10 anos de carreira.

A votação para melhor artista português decorrerá na página dos prémios até ao dia 14 de Outubro.

Nas principais categorias dos prémios MTV, Rhianna é uma das favoritas, nomeada para seis prémios, entre os quais melhor artista feminina, melhor artista pop e melhor música com “We found love”.

A cantora country norte-americana Taylor Swift soma cinco nomeações, entre elas melhor artista feminina e melhor artista ao vivo.

Os rappers Kanye West, Jay-Z, Flo Rida e Pitbull, além do cantor Justin Bieber, estão nomeados para melhor artista masculino.

Para melhor artista alternativo foram nomeados Jack White, Black Keys, Arctic Monkeys, Florence + The Machine e Lana Del Rey.

A cerimónia dos Prémios Europeus de Música acontece todos os anos numa cidade diferente, tendo Lisboa acolhido o evento em 2005.